ESTUDOS BÍBLICOS

QUEM SOMOS

PARCEIROS

BÍBLIA SAGRADA

CADASTRE-SE

CONTATO

APARELHOS ANDROID SÃO CONSAGRADOS AO DIABO?

 

 

 

 

Jack Larson desmente “Android demoníaco”

O vídeo de um pastor tem se tornado popular na internet durante os últimos dias, mas ele não mostra um culto ou qualquer reunião religiosa, e sim apresenta argumentos para provar que o sistema operacional Android teria feito pacto com o demônio graças a uma ilustração. Agora o desenhista Jack Larson resolveu vir a público para resolver o mal-entendido.

Segundo o vídeo do pastor e rapper Juninho Lutero, a versão 2.3 (Ginger Bread) do sistema operacional Android, muito utilizada em smartphones de entrada no Brasil, teria algum tipo de “armadilha de Satanás”. Isso se deve por um easter egg dentro das configurações, que permitem visualizar uma imagem curiosa.

No desenho, vemos o mascote do Android está do lado de um biscoito em formato de boneco, formato popular dos ginger breads (ou o famoso pão-de-ló no Brasil) em datas comemorativas nos Estados Unidos. Ao redor, diversos zumbis estão falando nos celulares. Ao final do vídeo, o pastor ainda faz uma oração, para exorcizar o aparelho dos fiéis.

Através de seu blog, o ilustrador Jack Larson resolveu se manifestar publicamente, após ter tomado conhecidmento da história que vem repercutindo no Brasil. Na verdade, Jack Larson sempre faz desenhos baseados em zumbis, tema que ele admira muito nos filmes e livros. Como a ideia de andróide remete a algo não-vivo, assim como o biscoito, que pode ser considerado um golem (uma criatura reanimada, normalmente feita de barro ou ferro, em alguns casos de carne como o Frankenstein), ele resolveu também utilizar zumbis em seu trabalho.

Aliás, a ilustração de Larson aparece apenas na versão Ginger Bread do Android. Você pode repetir o gesto que o pastor faz no vídeo em qualquer versão Android posterior, que também funcionará. Exceto se a empresa do smartphone tiver feito alguma alteração e a imagem não aparecer, como alguns aparelhos Motorola.

 VEJA MAIS ALGUMAS PINTURAS DE JACK LARSON:

http://1.bp.blogspot.com/-BQ5SMT43Axo/T_g5UEGSuXI/AAAAAAAAFGY/1lehLPcGTz0/s1600/IMG_20120707_071013-763590.jpg

 

 

http://fc01.deviantart.net/fs42/i/2009/092/0/2/__In_the_Belly_of_the_Beast___by_Jack_Larson.jpg

 

 

O que é Zumbi?

 

Zumbi é um morto-vivo, uma pessoa que morreu e ressucitou, é apenas um corpo sem alma, e tem origem no termo nzumbe, que é de um idioma africano. O termo zumbi começou a se tornar conhecido através de livros e filmes de terror, e o filme “A noite dos mortos-vivos”, de 1968 foi um dos responsáveis por popularizar o termo e a criatura.

Zumbi é o corpo de uma pessoa morta, mas que parece que está viva. O zumbi geralmente possui um espírito maligno, e age através de forças sobrenaturais, as mesmas que o fizeram voltar do mundo dos mortos. Os zumbis tem origem nas crenças do vodu, que para eles os zumbis eram trabalhadores controlados por um feiticeiro.

 

O que é um golem (Frankenstein)?

Golem - é um ser artificial mítico, associado à tradição mística do judaísmo, particularmente à cabala, que pode ser trazido à vida através de um processo mágico.

O golem é uma possível inspiração para outros seres criados artificialmente, tal como o homunculus na alquimia e o moderno Frankenstein (obra de Mary Shelley).

No folclore judaico, o golem (גולם) é um ser animado que é feito de material inanimado, muitas vezes visto como um gigante de pedra. No hebraico moderno a palavra golem significa "tolo", "imbecil", ou "estúpido". O nome é uma derivação da palavra gelem (גלם), que significa "matéria-prima".

A origem da palavra

A palavra golem na Bíblia serve para se referir a um embrião ou substância incompleta: o Salmo 139:16 usa a palavra gal'mi, significando "minha substância ainda informe".

As primeiras histórias de golems são mais antigas que o judaísmo. Adão é descrito no Talmud (Tratado Sanhedrin 38b) inicialmente criado como um golem quando seu pó estava "misturado num pedaço sem forma".

Como Adão, todos os golems são criados a partir da lama. Eles eram criações de pessoas santas e muito próximas de Deus. Uma pessoa santa era uma pessoa que se esforçava para se aproximar de Deus, e por essa luta consegue um pouco da sabedoria e poder divinos. Um desses poderes é a criação da vida. Por mais santa que a pessoa fosse, no entanto, a sua criação sempre seria apenas uma sombra de qualquer criação de Deus.

Desde cedo se desenvolveu a noção de que a principal deficiência do golem era a sua incapacidade em falar. No Sanhedrin 65b, é descrito como Raba criou um golem usando o Sefer Yetzirah. Ele enviou o golem para Rav Zeira, que falou com o golem mas ele não respondeu. Disse Rav Zeira:

"Vejo que você foi criado por um dos nossos colegas; volte ao pó".

 

 

 

Sl 20:1 O SENHOR te ouça no dia da angústia, o nome do Deus de Jacó te proteja.
Sl 20:2 Envie-te socorro desde o seu santuário, e te sustenha desde Sião.
Sl 20:3 Lembre-se de todas as tuas ofertas, e aceite os teus holocaustos. (Selá.)
Sl 20:4 Conceda-te conforme ao teu coração, e cumpra todo o teu plano.
Sl 20:5 Nós nos alegraremos pela tua salvação, e em nome do nosso Deus arvoraremos pendões; cumpra o SENHOR todas as tuas petições.
Sl 20:6 Agora sei que o SENHOR salva o seu ungido; ele o ouvirá desde o seu santo céu, com a força salvadora da sua mão direita.
Sl 20:7 Uns confiam em carros e outros em cavalos, mas nós faremos menção do nome do SENHOR nosso Deus.
Sl 20:8 Uns encurvam-se e caem, mas nós nos levantamos e estamos de pé.
Sl 20:9 Salva-nos, SENHOR; ouça-nos o rei quando clamarmos.